sexta-feira, 3 de dezembro de 2010

“Vida útil para o Futuro”



No dia em que vai a enterrar, um Nobre Português, relembro a sua principal preocupação nos últimos anos de vida.

Melhorar Portugal, só isso?
Sim…nem mais.
Sofria uma atormentação permanente, o que diria ele, a seus netos, perante perguntas como:
• Como é que deixámos Portugal chegar a este ponto?
• Como é que deixaram Portugal chegar a este ponto, com os custos lançados sobre as gerações seguintes?
A vergonha, para ele seria quando os netos perguntarem, o assumir, que a culpa era da geração “dele”!
É verdade, este Nobre Senhor, não tinha culpa nenhuma, mas tinha vergonha.
E é para ter, pois da esquerda, á direita todos os Partidos mentem!
Já alguém ouviu falar que em 2014, mesmo que já ganhemos para nos sustentar (Nunca aconteceu depois de 1975!), teremos despesas relacionadas com a nossa divida de 5% do PIB.
5% de Juros, para uma economia que cresce 1% ou 2%... é igual ao esforço de reduzir este ano de 7.3% de divida para 4.60%

Então se em 2014 já cortamos em tudo e temos de cortar mais 3% só para juros de divida?

Que a Segurança Social, pode estar garantida, mas não depois de 2020, mesmo passando 2020, quem garantir que nos actuais moldes, chega a 2030 é MENTIROSO!

Não sou eu que o digo!

É Hernâni Lopes, Medina Carreira e João Duque (Plano/Inclinado)

Que com estas leis laborais, nenhuma empresa quer vir para cá.
Se juntarmos as leis laborais, aos impostos pagos pelas empresas, então teremos 1 guia perfeito dos países onde não de deve investir.

Que a Irlanda(Que estando mal) manteve o IRC para as empresas, e tem mais de 1000 Multinacionais instaladas no País!

Só em empresas americanas são mais de 500 entre elas A Google, para o mercado europeu e Outros, tem filial na Irlanda! Então e por quê? Porque paga 12,5% e em Portugal é o dobro! Fora o resto.

Só as empresas americanas na Irlanda, criaram mais de 100.000 postos de trabalho, e pagam em impostos 2.500 Milhões Ano!

Que emprego protegem as centrais sindicais, ao defender um Enquadramento Laboral, que não existe em mais lado nenhum!

Então somos os únicos a Marchar bem?

E as Empresas não vem para cá!

E não vem por quê?

Temos dos melhores trabalhadores do mundo! (Basta olhar para o Luxemburgo)

Estas leis laborais só são boas para os trabalhadores efectivos! De preferência F.P.!

E os outros que são a grande maioria?

E os desempregados que são mais de 600.000, quando vamos mudar de atitude?é com 750.000? 1.000.000? de quantos necessitamos para entender que só se cria emprego com empresas, e não podemos ser os “Melhores da Europa” nas leis laborais…

Voltando a Hernâni Lopes, como ele dizia isso é apenas economia de Superfície…

A economia que devemos estar a pensar agora, era a de 2020/2025!

Podemos começar já? Ele diz que sim!

Tudo teria inicio na educação dos nossos filhos!

Medina Carreira, diz que não!

Isto só lá vai com o FMI! Nenhum politico vai dizer a verdade, se o fizer não é eleito! Isto só lá vai com o FMI! Enquanto não formos obrigados, andamos a arrastar os pés!

A Economia de profundidade segundo Hernâni Lopes, será o nosso legado.

• Valores, Atitudes, e Padrões de Comportamento são fundamentais. Tem a ver com o que ensinamos aos nossos filhos;

• Nós ensinamos que quanto mais aldrabões, mais desenrascados, mais espertalhões, chicos-espertos, melhor? É isso que faz a carreira das pessoas?

• Faz uma carreira de aldrabões, não faz uma carreira de gente honesta!

• Os valores que moldam os nossos filhos são a golpada permanente, ou o trabalho sério?

• Esta opção individual, cabe a cada família, e está na base da economia!



E depois apresentou um quadro a que chamou de “Vida útil para o Futuro”



Trocar             Por



Facilitismo          Exigência

Vulgaridade        Excelência

Moleza               Dureza

Golpada             Seriedade

Videirismo          Honra

Ignorância          Conhecimento

Mandriice          Trabalho

Aldrabice           Honestidade



Depende de nós? Sim.

Vamos lá sozinhos? Não creio, caro Hernâni, na despedida te recordo e contigo discordo, não vamos lá sozinhos!

É com um aperto no peito que te informo, o teu amigo Medina, tem razão!

Fica o teu quadro, “Vida útil para o Futuro” que deveria existir em todas as salas de aula.




Um Abraço deste compatriota, e até sempre.

Sem comentários:

Enviar um comentário

;)