sábado, 9 de julho de 2011

Perfect Storm XXXIV_Dont ask about the Money

É algo que vai circulando pelos corredores europeus, na realidade só 10% do dinheiro existe, tudo o resto é virtual, existindo apenas nos saldos contabilísticos dos bancos.

Dei por mim a pensar no assunto vai para 100 dias, e resolvi proteger quem tem pouco e corre o risco de ficar com praticamente nada!
80% das economias estão fora do sistema…

Num pequeno país como Portugal a minha decisão é facilmente compreendida por perto de 5% da população (economistas na sua maioria)
Estamos a falar de 500.000 pessoas no máximo…mas, se neste pequeno país essas 500.000 pessoas/familias, tomarem uma decisão igual à que eu tomei, todo o mundo entra automaticamente em Default!

Para qualquer economista, isto não é novidade e sabem perfeitamente do que estou a falar, sabendo também o que fiz para me proteger!
Eu já posso perguntar, sem qualquer tipo de receio, were is the FUCKING MONEY!
Boa sorte para todos e bons investimentos…

5 comentários:

  1. Se está à espera disso pronto, aqui vai: venha de lá então essa sugestão para que mais gente se possa proteger. O que fez para se proteger?

    ResponderEliminar
  2. O melhor é deixar de usar os bancos.... Colocar todas as poupanças em casa ou investir em imoveis e barras de ouro...

    ResponderEliminar
  3. Anónimo,

    Basta ler o post ou o comentario que foi escrito 30 min. depois do teu...
    Mas para quem tem tempo clica na TAG Perfect Storm...são 34 Post's...
    Se depois disso ainda tiveres duvidas apita, mas com nome próprio...

    ResponderEliminar
  4. Para um pais crescer é preciso por o máximo de dinheiro nos bancos. Pois esse dinheiro é depois emprestado pelo banco o que permite novos investimentos. Retirar dinheiro dos bancos só lhes retira liquidez o que dificulta o investimento necessário para um crescimento económico.

    ResponderEliminar
  5. Boas anónimo,

    Estou completamente de acordo com o teu comentário.
    Mas... "o diabo está nos detalhes" enquanto eu não tiver um documento assinado pelo ministro das finanças e pelo primeiro ministro a garantir-me que quando Portugal sair do Euro os meus depósitos (que foram feitos em Euros) se vão manter nessa moeda eu mantenho o que disse.
    Quando esse documento for assinado eu mudo de opinião...

    Cps

    Jony

    ResponderEliminar

;)