segunda-feira, 5 de setembro de 2011

Cheira a medo no Governo


Depois de muitas promessas voltamos ao inicio.
Amanhã vamos cortar na despesa! Mas, só amanhã…

Para hoje, na ementa temos aumento de impostos e privatizações ao preço da uva mijona!
Só para quem quer, quem não quer pode ir comprar na Grécia, também lá as coisas estão boas e baratas.

O problema dos compradores em relação a Portugal é muito semelhante ao que encontram na economia Grega ou Irlandesa ou mesmo espanhola e Italiana.
Em que moeda devem ser compradas as empresas e a dívida destes países?

Em Euros?
Mas não é garantido que todos eles se mantenham no Euro, nesse caso seja dívida de países ou empresas o problema mantêm-se igual para quem compra.

Dos famosos 78 mil milhões que chegam a Portugal depois de pagar as dívidas que vencem até 2013 quanto sobra?
E do que sobra depois de pagar a recapitalização da banca e o nosso défice anual em 2011;2012 e 2013 sobra algo?

Não, no final de 2013 Portugal já tem de pedir dinheiro aos mercados, para em 2014 segundo Vitor Gaspar, Portugal estar a gastar aquilo que consegue produzir… mais milhão menos milhão!
Vem aí a pressão…

O problema é que as medidas de emagrecimento do estado vão ficando sempre para amanhã…
Nas regiões autónomas…nas autarquias…na avaliação dos professores… nas PPP…nas empresas municipais…

Amanhã vai estar um belo dia! Isto claro, se não chover…
Se…

 “Se” Os nosso amigos Gregos forem hoje ao mercado pedir dinheiro, para pagar daqui a 2 anos, pagam de juros 50%/ano…


1 comentário:

  1. Os cães ladram e a caravana passa. Isto só lá vai com uma 3ª guerra mundial para começar do zero novamente.

    ResponderEliminar

;)