segunda-feira, 31 de outubro de 2011

Conversas com o meu Génio – Poupar nas prendas de Natal!



Como eu sou 1 gajo porreiro e a crise veio para ficar resolvi dar a conhecer a todos os habitantes da Tugolândia uma boa maneira de poupar nas prendas de natal!
A História que vou contar sucedeu comigo e vai fazer com que eu poupe muito nas prendas de natal em 2011.
Estávamos no inicio de 2011, mais concretamente no dia 2 de Janeiro.
Génio – JONY! JOOONNYYYYY!
João – Sim, pára de gritar, diz lá qual a razão de tamanha excitação.
Génio – Já sei uma maneira de poupares dinheiro!
João – Boa, poupar é sempre bom, e este ano de 2011 vai certamente ser complicado, desembucha lá!
Génio – Já sei como podes poupar nas prendas de Natal!
João – Génio, tu não deves estar bom da cabeça! Eu compreendo que o álcool altera o comportamento, mas PORRA! Bebe menos! Agora em Janeiro estares a chatear-me com as prendas de natal, isso não lembra a ninguém!
Génio – Tu não tens emenda, claro que temos de pensar com antecedência, o segredo é PLANEAMENTO, meu caro, o natal chegará este ano, como todos os anos, e nessa altura lá estás tu a fazer contas à vida pois natal significa presentes e claro vais gastar muito dinheiro!
João – Espera um pouco, tu estás a dizer que sabes de uma maneira para eu não gastar dinheiro nenhum no natal?!?
Génio – Jony…Jony…Nem tanto ao mar, nem tanto à terra! O que eu te tenho a propor é gastar muito menos no natal, tipo menos 50% do que foi gasto no último ano!
João – 50%? Tanto???
Génio –Pois! E ainda ajudas Portugal!
João – Calma aí…Alem de gastar metade em 2011 do que gastei em 2010, tu estás a dizer que sabes de uma maneira de eu ao poupar ainda ajudar o meu país?
Génio – Sim! E não só, ao poupares também vais sentir bastante prazer!
João – Deixa ver se eu entendi…vou sentir bastante prazer…Ajudar o meu país…e gastar metade do que gastei no ano passado? É isso?
Génio – Sim! Sou, ou não sou 1 GÉNIO?
João – Ok…reconheço que fiquei curioso! Conta lá!
Génio – é bastante simples! Com quem gastas tu dinheiro em prendas?
João - Com um grupo muito reduzido de pessoas, só a família e amigos mais chegados, mas mesmo para a maioria compro apenas uma lembrança, digamos que o dinheiro que gasto é maioritariamente empregue na minha família nuclear (mulher e filho).
Génio – Pois, é isso mesmo, segue o meu raciocínio, ano novo, vida nova! Inicias imediatamente treinos diários com a Sofia, tipo coelho…Pimba!...Pimba!...Pimba! Sempre a treinar…treinar…treinar!Quando chegar o mês de Março a coisa já é à seria, e na segunda quinzena, dás-lhe 1 pontapé nas costas, ora se lhe deres 1 pontapé nas constas entre 15 e 25 de Março, passados 9 meses estamos no Natal, o teu filho ganha 1 mano ou uma mana, a tua mulher tem um menino Jesus ou uma menina, ou seja, as duas pessoas com quem gastavas mais dinheiro tem uma prenda pela qual não esperam e que certamente será bem vinda e tu, meu caro amigo não gastas-te 1 tostão, tiveste prazer e com a falta de bebés em Portugal também ajudas-te o teu país aumentando a taxa de natalidade!
Não é para me gabar mas realmente sou 1 Génio!
João – huummmm…tenho de reconhecer que não está mal pensado, não senhor!
Como já estamos a entrar em Novembro, este conselho só é válido para o Natal de 2012, mas como eu vou mais avançado, aqui fica a minha sugestão.
Cá em casa a estratégia foi seguida, saiu menina e a dúvida reside no nome…
Sara ou Inês?
A data de nascimento - se tudo correr normalmente - será 13 de Dezembro de 2011. Ainda dá tempo para fazer um belo embrulho J

Certificados do Tesouro


Este servente da construção civil cada dia que passa anda mais confuso, existem certificados de aforro, certificados do tesouro, muito se certifica neste país à beira mar plantado.
Como este vosso amigo passa os dias a carregar baldes para os pedreiros não sabe distinguir uns dos outros.
Mas hoje, não sei bem porquê, deu-me vontade de falar sobre certificados, cada maluco tem as suas manias e eu com toda a minha falta de cultura deveria era estar calado, mas como tenho pouco que fazer, vou falando para passar o tempo.
Em 2009 os meus pais tinham vontade de investir em Certificados do Tesouro e pediram a minha opinião…
Eu sem saber o que dizer, perguntei ao meu GENIO qual deveria ser a minha opinião, tendo sido informado que deveria CAGAR para o assunto.


Informou-me igualmente que estes certificados eram para os particulares emprestarem dinheiro ao estado…hummmmm…
Fiquei bastante atrapalhado, mas acabei por dizer aos meus pais para não se meterem nisso.
Deixa estar o dinheiro sossegado, pois pode vir a ser necessário, julgo que foram essas as minhas palavras.
Os bancos tinham andado a apertar os meus pais informando que seria um óptimo investimento, mas os meus pais, que também não são GAJOS de muita cultura preferiram confiar no servente e não confiar no seu gerente de conta, que normalmente são pessoas com cursos superiores e afins, resumindo são todos gente de mérito.
Ultimamente por curiosidade tenho perdido um pouco do meu tempo a analisar a economia Grega, como o trabalho na construção esta escasso eu vou perdendo o meu tempo aqui e alí…
Quando ouvi falar de haircut de 50% em relação aos Gregos, confesso que até fiquei contente, tendo pensado que os gregos quando forem ao barbeiro só pagariam metade da conta.
Mas depois fui informado por quem sabe que “A COISA” não funcionava assim, o que tinha sido decidido era que as dívidas antigas dos Gregos seriam perdoadas em 50%.
Ou seja quem emprestou dinheiro aos Gregos, só receberia metade do dinheiro que emprestou…
Tudo isto para (se “A COISA” correr bem e eles começarem a produzir que nem doidos e não fizerem mais greves, chegam a 2020 e já “SÓ” devem 120% do PIB)
A este assunto voltarei mais tarde…
Voltei então a pensar nos Certificados…
Portanto, todos os Gregos que compraram certificados do tesouro só recebem metade do dinheiro investido…
OPS…Estão a ser encavados com toda a força, mas a vida é mesmo assim, nada que não tenha sido discutido por estas bandas…
Alguém em Portugal ainda está a pensar investir em certificados???
Como não sei se a historia é igual para Certificados de Aforro e do Tesouro, ficam aqui ambos e cada um que decida por si.
Eu tenho de ir andando, pois os pedreiros estão a berrar, faltam tijolos na obra e sem material eles não trabalham.
Aí vou eu!
Certificados do Tesouro
Os Certificados do Tesouro são um instrumento de dívida, nominativo, criados com o objectivo de captar a poupança das famílias. Estes produtos só podem ser emitidos a favor de particulares e são transmissíveis exclusivamente em caso de falecimento do titular.

A emissão e o resgate de produtos de aforro podem ser efectuados directamente nos balcões das entidades para o efeito contratadas pelo IGCP, os CTT

(ver Postos de Atendimento On-line). Está também disponível a subscrição de Certificados e outras funcionalidades na Internet através do AforroNet.


Produtos de Aforro
Os produtos de aforro são instrumentos de dívida criados com o objectivo de captar a poupança das famílias. Têm como característica principal o serem distribuídos a retalho, isto é, serem colocados directamente juntos dos aforradores e terem montantes mínimos de subscrição reduzidos. Os produtos de aforro só podem ser emitidos a favor de particulares e não são transmissíveis excepto em caso de falecimento do titular.
A emissão e o resgate de produtos de aforro podem ser efectuados directamente nos balcões das entidades para o efeito contratadas pelo IGCP, os CTT (ver
Postos de Atendimento On-line). Está também disponível a subscrição de Certificados de Aforro e outras funcionalidades na Internet através do AforroNet.

As operações relacionadas com certificados de aforro da Série A podem ser efectuadas no Posto de Atendimento ao público deste Instituto, sito na Av. da República, 57 – 1º, em Lisboa, das 9:00h às 16:00h. (gosto particularmente do horário…)

domingo, 30 de outubro de 2011

Eu sou GREGO!



Eu sou Grego, pois não sou Alemão, felizmente não partilho essa mentalidade, nem essa maneira de ser/estar.
Eu Sou Grego, pois não sou Austríaco, nem Finlandês, porque não sou Nórdico, nem quero ser!
Eu sou Grego pois o nosso destino está ligado, é comum.
Eu sou Grego, porque olho para o mundo sabendo que não sou perfeito, que cometo erros, que não julgo os outros sem antes parar para pensar, nos seus defeitos, mas também nas suas virtudes.
Eu sou Grego, pois de pequeno me ensinaram a não bater a quem está no chão!
A Ajudar, a ser humano, a perdoar.
Eu sou Grego, porque lhes devo muito e não esqueço, porque não quero! Porque não posso!
Porque não sou assim!
Eu sou Grego, pela história, pela cultura, pela democracia!
Eu sou Grego, pois esta é a altura de escolher um dos campos de batalha.
Eu sou Grego, Porque estou e estarei sempre do lado dos mais fracos e oprimidos.
Eu sou Grego, pois não aceito estas regras! Ditadas por quem manda, por quem pode, por quem é poderoso!
Eu sou Grego, porque não consigo ser alemão, porque não esqueço a história, as dívidas antigas e os 90 Anos que demoraram a ser pagas!
Eu sou Grego porque sou humilde!
Eu sou Grego pois exijo igualdade de tratamento.
Eu sou Grego porque não fui responsável por duas guerras mundiais, porque perdoei dívidas durante décadas, porque essas dívidas acabaram de ser pagas em Outubro de 2010!
Falando agora, um ano depois como se o passado não existisse.
Eu sou grego porque não sou hipócrita!
Eu sou Grego, por opção, por vontade, por querer!
Eu sou Grego, porque digo não, não é justo, não está correcto, não é decente o caminho que os poderosos traçaram!
Eu sou Grego porque não me calo, porque digo não, porque não me deixo pisar!
Eu Sou Grego porque sou Português, porque sou latino, porque sou humano!
Eu sou GREGO!

sexta-feira, 28 de outubro de 2011

Qual é o teu número?



Quando eu nasci, em 1970 existiam perto de 3.7 Biliões de pessoas.

No ano de 2011 vamos ser mais de 7 Biliões!
Depois de seguir o Link da BBC fiquei a saber o meu nº 3.698.069.113.

Por mera curiosidade, fica o Link…

quinta-feira, 27 de outubro de 2011

Perfect Storm XXXVI-O Barbeiro e a BAZUCA…Deja vu?




Ontem em conversa com a minha fofa fiz a seguinte afirmação:
-Vais ver…vão aumentar o FEEF em (x) milhões e vão informar os mercados que está tudo bem, vais ouvir falar de 1 BAZUCA como falaram em Junho/Julho quando o FEEF passou a dispor de 400 mil milhões!

Na altura como agora, os mercados acalmaram, as acções subiram e durante 2 ou 3 semanas a coisa até melhorou.
E depois?

Bem, depois chegarão novamente as dúvidas e volta tudo ao mesmo.
Do pouco que lí sobre o assunto julgo que o FEEF foi reforçado em mais 600 mil milhões, a juntar aos 400 mil milhões existentes já temos 1 BILIÃO!

Já tinha saudades de falar em BILIÕES! (isto para quem não sabe, sou eu a ser irónico).
E a COISA vai correr bem?

Vai!
Até final de Novembro!

Em Dezembro andaremos a falar de corte de cabelo de mais uns quantos países!
Alguém necessita de ir ao barbeiro?

É que os europeus andam a “DAR” cortes de cabelo de BORLA!
Dava vontade de rir, se o problema não fosse tão grave…


TIC...TAC...TIC...TAC...TIC...TAC...TIC...TAC...TIC...TAC...TIC...TAC...TIC...TAC...TIC...TAC...TIC...TAC...
TIC...TAC...TIC...TAC...TIC...TAC...TIC...TAC...TIC...TAC...TIC...TAC...TIC...TAC...TIC...TAC...TIC...TAC...
Em minha opinião e com a ajuda Grega faltam 66 Dias para Portugal Sair do Euro.
Seguindo a opinião do meu Genio temos antes disso 1 Ano de KATUMBA faltando portanto 431 Dias.
Dentro de 687 Dias acaba todo o dinheiro TROIKANO!
TIC...TAC...

O que se passa em Angola?


 Todos os dias dou uma passagem pelas visualizações.

Nos últimos meses tenho constatado que perto de 20% são fora de portas.

É algo que me dá particular satisfação, se dizem que as exportações valem dinheiro, as visualizações dinheiro não rende, pois este espaço é e será “Á GRATIS” como diz o meu filho, mas vale certamente reconhecimento e prestígio (perdoem-me a falsa modéstia).

Angola sempre foi o segundo pais com mais visualizações em Portugal Bipolar, é normal pois a língua é a mesma e como tenho família emigrada, vão passando por cá.

Depois o Brasil descobriu Portugal Bipolar e nos últimos 3 meses cilindrou as visualizações de Angola.
Entretanto, os nossos amigos americanos, para minha grande surpresa também descobriram Portugal Bipolar, e Angola foi novamente ultrapassada no total de visualizações, sendo o primeiro país de língua não Portuguesa a Constar no TOP 3.

Mas nos últimos 2 dias tenho mais de 50 visualizações Angolanas?!?
Márcio, que se passa em Angola? Andas a clicar que nem um maluco no PB?

quarta-feira, 26 de outubro de 2011

“Enciclopédia do saber relativo e absoluto” Post dedicado a Nuno M.


Depois de procurar o primeiro volume lá me lembrei.
Emprestei o primeiro volume ao meu mano novo (ele diz que não).

PRIMEIRO ARCANO – OS SENHORES DA MADRUGADA – Pag. 52

MEDO

“Para compreender a ausência de medo nas formigas é preciso ter bem presente que o conjunto do formigueiro vive como um organismo único. Cada formiga representa aí o mesmo papel que uma célula do corpo humano.
As extremidades das unhas receiam, por ventura, serem cortadas?
Os pelos do queixo começam a tremer quando a maquina de barbear se aproxima?
O nosso tornozelo fica cheio de medo quando o obrigamos a experimentar a temperatura de um banho, se calhar a escaldar?
Não sentem qualquer medo porque não existem como entidades autónomas. Da mesma forma que a nossa mão direita não sentirá qualquer rancor se a esquerda a beliscar. Se a nossa mão esquerda estiver mais enfeitada de anéis que a mão direita, também não será por isso que vai haver ciumeiras. Acabam-se as preocupações quando uma pessoa se esquece de si para só pensar no conjunto da comunidade/organismo. Talvez resida aí um dos segredos do êxito social do mundo das formigas”

SEXTO ARCANO – O IMPÉRIO DOS DEDOS – Pag. 408

TERMITAS/FORMIGAS


“Tem acontecido às vezes encontrar-me com cientistas especialistas em térmitas. Dizem-me que as minhas formigas são certamente muito interessantes, mas que não alcançaram ainda nem metade do que as térmitas já conquistaram.

É verdade.

As térmitas são os únicos insectos sociais, seguramente mesmo os únicos animais que conseguiram criar uma SOCIEDADE PERFEITA.
As térmitas organizam-se numa monarquia absoluta onde cada individuo se sente feliz por servir a sua Rainha, onde todos se compreendem, se entreajudam, onde ninguém alimenta a menor ambição ou a menor preocupação egoísta.

É com toda a certeza na sociedade térmita que a palavra SOLIDARIEDADE ganha o seu sentido mais profundo. Talvez porque a térmita foi o primeiro animal a construir cidades, há já mais de 200 milhões de anos atrás.

No entanto é no seio do próprio sucesso que reside a sua perdição. O que é perfeito por definição, não pode ser aperfeiçoado. A cidade térmita, portanto, ignora tudo o que seja pôr alguma coisa em questão, qualquer revolução, qualquer perturbação interna.

É um organismo puro e só, que funciona tão bem, que não faz mais nada senão fluir a sua felicidade, por entre os corredores trabalhados, construídos com um cimento extremamente sólido.

Em contrapartida a formiga vive num sistema social muito mais anárquico. Progride ao cometer erros e começa sempre por cometer erros em tudo o que empreende. Nunca fica satisfeita com o que possui, experimenta tudo, mesmo com perigo da própria vida.

O formigueiro não é um sistema estável, mas sim uma sociedade onde se tateia permanentemente, testando todas as soluções, mesmo as mais aberrantes, arriscando por vezes a própria destruição.

Aqui está mais uma razão a acrescentar a todas as que me fazem preferir interessar-me mais pelas formigas do que pelas térmitas.

Pesquisas recentes demonstraram que um terço da biomassa animal e da floresta amazónica era composto por formigas e térmitas. E isto na proporção de oito formigas para uma térmita”

Desculpa meu caro Edmund Wells, pois passados 20 anos de ler a tua enciclopédia copiei 2 páginas.

A razão é nobre e certamente entendes o que digo quando afirmo que estou apenas a tentar dar a conhecer uma maneira diferente de pensar.

Peço-te igualmente desculpa por passados 20 anos ainda não ter lido o ultimo livro da saga, mas só encontro a versão em Brasileiro e com todo o respeito pelos nossos amigos brasileiros e pelo acordo ortográfico, até ver vou aguentando.
Nota - só em 2009 tive conhecimento da versão em brasileiro do 3º volume…
Até quando vou aguentar?

terça-feira, 25 de outubro de 2011

O euro Loiro de Olhos azuis e a "enciclopédia do saber relativo e absoluto"


As conversas são como as cerejas, do que eu me fui lembrar!

Em conversa com um dos elementos da Troika energética, lembrei-me de um livro que lí vai para 20 anos!

Eu nunca fui um gajo normal, admito isso, e dou de borla!

 Sempre tive a mania de pensar de maneira diferente! Não quero com isto dizer que penso melhor, ou que sou mais esperto, nada disso, julgo ser defeito de nascença!

Se existem culpados eles estão identificados! É a minha mãe, o meu pai e aquela coisa que apelidamos de ADN…

Quando andava na escola preparatória Pedro de Santarém, tipo em 1981, existe um dia que nunca mais me vou esquecer!

Não sei o que se passava comigo, sei que não andava contente, a escola não corria bem e este vosso amigo não andava propriamente feliz (não me lembro das outras razões, mas elas existiam…).

Resolvi tomar medidas drásticas!

Ia a caminho da escola e pensei…é pá esta merda não esta fácil!

Que posso eu fazer para inverter a situação?

A resposta a esta pergunta, surgiu como um raio!

Já sei!

Se eu permanecer imóvel durante uns 5 minutos, vou alterar todos os acontecimentos futuros, pois o normal seria eu entrar pelo portão da escola nos próximos 2 minutos!

É isso mesmo, vou mudar de vida, que estou farto disto!

E assim foi, durante 5 minutos fiquei parado a olhar para lado nenhum, vendo a vida passar e com um sorriso nos lábios ia pensando, a minha vida vai mudar completamente!

Pois era suposto eu ter continuado a andar, ao andar ia encontrar os meus amigos e continuaria tudo igual, mas como fiquei aqui parado e só vou avançar depois de tocar para inicio das aulas, estou a alterar todo o meu futuro!

Isto realmente não deve ser normal num puto de 10 ou 11 anos!

Desde que me lembro, com maior ou menor estupidez, sempre fui assim, diferente!

Sempre embirrei com o normal, o era suposto, o vulgar, o correcto, e sempre, mas sempre tive tendência para divagar, pensando de outra maneira qualquer, não era importante seguir esta ou aquela maneira de ser/pensar, o importante era manter a diferença, se em 10 pessoas a opinião consensual e lógica era a de virar à esquerda este vosso amigo arranjava maneira de fazer ver a todo o grupo que o caminho da direita poderia ser mais benéfico, e claro seria sempre mais divertido, pois era desconhecido, que piada poderia ter um percurso conhecido?

Era assim com 11 anos…agora tenho 41 e surpresa das surpresas, com a diferença de estar mais velho a tendência de raciocínio mantêm-se…

Depois, perto dos 20 fui aconselhado, pelo meu amigo Duarte Nuno a ler o livro As Formigas de Bernard Werber!

Fiquei fascinado, afinal existiam outros assim! Eu não estava só nesta maneira estranha de pensar!

Afinal existiam biliões e biliões de criaturas, neste planeta que tinham a mesma postura perante a vida!

Essas criaturas são as formigas, foi também através desse livro que conheci a "enciclopédia do saber relativo e absoluto".

Foi assim que me deparei igualmente com o primeiro grande enigma “como fazer 4 triangulos com 6 paus de fósforo iguais?”

Andava na altura a trabalhar 12 a 14 horas por dia e o livro foi literalmente devorado em 3 dias!

No último dia, na ancia de acabar o livro dormi 1 hora!

Surreal!

Ainda hoje sinto um respeito e admiração pelas formigas que não tenho por mais nenhum outro.
São sem qualquer dúvida os senhores da terra, os mais inconformados, os mais numerosos, os mais organizados, enfim, se existe espécie neste planeta que suporta qualquer ataque e que no fim sairá vencedora para contar a história essa espécie é sem dúvida as formigas!
Se retirarmos Ambas as regiões polares, locais onde também existem…não é possível encontrar um Km² onde elas não estejam presentes!
É impressionante!
Olhando para o passado do Euro e para o seu presente …o que será mais provável num futuro próximo?

O euro manter o status quo? Ou ser composto por pessoas loiras e de olhos azuis?

Onde ficou a nave de Fernando Ulrich?




Já não é a primeira vez que vejo este senhor com afirmações que indiciam de onde veio o nosso amigo Fernando!

Eu em tempos idos julgava que o Fernandinho, era, como eu, mais um dos habitantes da Tugolândia!

Nascido e criado por Tugoleses!

O tempo foi passando, ele foi falando cada vez mais, e a dúvida instalou-se!

De onde vem o Fernandinho?

Não é deste planeta certamente!

Depois reparei no apelido Ulrich? Isso não é nome de gente!

Hoje, se alguma dúvida existisse ela certamente foi dissipada pela seguinte afirmação:

"Evidentemente, é uma medida que eu não gosto. Não é por, sobretudo, o BPI ter exposição à dívida grega, mas porque esta decisão [perdão de pelo menos 50 por cento da dívida grega, sobre o qual é aguardada uma deliberação na quarta-feira em Bruxelas] significa reconhecer que a dívida soberana em países da Zona Euro perde o estatuto de activo sem risco", defendeu Ulrich?!?

Ai, Ai! …Fernando….Fernandinho!…eu, mero servente da construção civil, tenho apenas 2 ou 3 perguntinhas…

Se nessa cabecinha pensadora todos os países tinham o mesmo risco, como explicas que o prémio pago aos detentores de dívida Grega (na altura em que o BPI comprou dívida grega) era quase 50% superior ao premio pago por detentores da divida Alemã? É que se todos os países do Euro tem o mesmo risco o premio pago pela Grécia e Alemanha deveria ser igual!

Se todos tem o mesmo risco, qual a razão para o BPI deter dívida Grega e não dívida Alemã?

E por ultimo, a pergunta mais importante…Fernando, não será melhor deixares a conversa da treta e informares o pessoal onde deixas-te a NAVE?

Convém recordar:Fundação Cidade de Guimarães

Convém recordar: Fundação Cidade de Guimarães




Folha salarial(da responsabilidade da Câmara Municipal) dos administradores e de outros figurões, da Fundação Cidade de Guimarães, criada para a Capital da Cultura 2012:

  Jorge Sampaio - Presidente do Conselho de Administração:14.300 €mensais + Carro + Telemóvel + 500 € por reunião
-  Carla Morais - Administradora Executiva 12.500 € mensais + Carro +Telemóvel + 300 por reunião
-  João B. Serra - Administrador Executivo 12.500 € mensais + Carro +Telemóvel + 300 € por reunião
-  Manuel Alves Monteiro - Vogal Executivo *2.000 € mensais + 300 € por reunião

Todos os 15 componentes do Conselho Geral, de entre os quais se destacam Jorge
Sampaio, Adriano Moreira, Diogo Freitas do Amaral e Eduardo Lourenço,
recebem *300 €* por reunião, à excepção do Presidente (Jorge Sampaio) que
recebe 500 €

Em resumo: 1,3 milhões de Euros por ano (dinheiro injectado pelo Estado
Português) em salários. Como a Fundação vai manter-se em funções até finais
de 2015, as despesas com pessoal deverão ser de quase 8 milhões de Euros !!!
Reparem bem: Administradores ganhando mais do que o PR e o PM !

Esta obscenidade acontece numa região, como a do Vale do Ave, onde o
desemprego ronda os 15 %* !!!
Alguém acredita em leis anti-corrupção feita por corruptos?

Convém recordar: Daniel Proença de Carvalho

Convém recordar: Daniel Proença de Carvalho

 Proença de Carvalhoé o responsável com mais cargos entre os administradores não executivos das companhias do PSI-20, e também o mais bem pago. O advogado é presidente do conselho de administração da Zon, é membro da comissão de remunerações do BES, vice-presidente da mesa da assembleia geral da CGD e presidente da mesa na Galp Energia. E estes são apenas os cargos em empresas cotadas, já que Proença de Carvalho desempenha funções semelhantes em mais de 30 empresas. Considerando apenas estas quatro empresas (já que só é possível saber a remuneração em empresas cotadas em bolsa), o advogado recebeu 252 mil euros. Tendo em conta que esteve presente em 16 reuniões, Proença de Carvalho recebeu, em média e em 2009, 15,8 mil euros por reunião.
Estes é um dos indivíduos que vai rotineiramente à televisão explicar aos portugueses a necessidade de sacrifícios e de redução de salários...

Convém recordar: João Vieira Castro

Convém recordar: João Vieira Castro

O segundo mais bem pago por reunião é João Vieira Castro. O advogado recebeu, em 2009, 45 mil euros por apenas quatro reuniões, já que é presidente da mesa da assembleia geral do BPI, da Jerónimo Martins, da Sonaecom e da Sonae Indústria.

Convém recordar: António Nogueira Leite

Convém recordar: António Nogueira Leite
 

 António Nogueira Leite, que é administrador não executivo na Brisa, EDP Renováveis e Reditus, entre outros cargos. O economista recebeu 193 mil euros, estando presente em 36 encontros destas companhias. O que corresponde a mais de 5 300 euros por reunião.

Este é um dos indivíduos que vai rotineiramente à televisão explicar aos portugueses a necessidade de sacrifícios e de redução de salários...

Convém recordar: José Pedro Aguiar-Branco

Convém recordar: José Pedro Aguiar-Branco



O ex-vice presidente do PSD José Pedro Aguiar-Branco e agora ministro da defesa é outro dos "campeões"
dos cargos nas cotadas nacionais. O advogado é presidente da mesa da Semapa (que não divulga o salário do advogado), da Portucel e da Impresa, entre vários outros cargos. Por duas AG em 2009, Aguiar-Branco recebeu 8.080 euros, ou seja, 4 040 por reunião.
Este é um dos indivíduos que vai rotineiramente à televisão explicar aos portugueses a necessidade de sacrifícios e de redução de salários...

E agora é Ministro da Defesa.

Convém recordar:António Lobo Xavier

 Convém recordar: António Lobo Xavier





Administrador não executivo da Sonaecom, da Mota-Engil e do BPI, António Lobo Xavier auferiu 83 mil euros no ano passado
(não está contemplado o salário na operadora de telecomunicações, já que não consta do relatório da empresa). Tendo estado
presente em 22 encontros dos conselhos de administração destas empresas, o advogado ganhou, por reunião, mais de 3700 euros.

Estes é um dos indivíduos que vai rotineiramente à televisão explicar aos portugueses a necessidade de
sacrifícios e de redução de salários...

segunda-feira, 24 de outubro de 2011

Resposta ao meu Amigo João Xavier.



Resposta ao teu comentário no post - http://oportugalbipolar.blogspot.com/2011/10/2-subsidios-aos-funcionarios-publicos.html
 



Boas João Xavier,
É com enorme prazer que vejo a tua estreia em Portugal Bipolar.
 
Sobre os muitos problemas retratados neste espaço, já falámos pessoalmente.
Nem sempre concordamos, mas como sempre defendi, ninguém é dono da razão.
 
Aqui, todos têm o “direito adquirido” de manifestar a sua opinião, mesmo quando essa opinião é exactamente o oposto do que eu defendo.
Como nos conhecemos vai para 20 anos, e 20 anos não são 2 dias, é normal que a abordagem que vou fazer ao teu comentário seja um pouco diferente…
 
Vamos falar de educação, área que bem conheces e como temos opiniões diferentes julgo ser a melhor forma de encontrar soluções.
E soluções para Portugal  é a principal razão de ser deste espaço.
 
Independentemente de concordar contigo em tudo o que falas nas alíneas a); b) e c), o problema mantém-se.
Eu não posso analisar os F. Públicos individualmente, tenho de me focar no conjunto que eles formam.
 
Tive a mesma discussão quando analisei o povo Alemão, e embora tenha conhecido várias pessoas desse país, de um deles ter passado 2 ou 3 dias em minha casa, de ter tido o prazer de durante esse tempo lhe mostrar Lisboa e de lhe proporcionar um tempo bem passado na nossa capital, a opinião que tenho sobre o povo alemão é muito negativa.
Mas vamos voltar á educação…
 
FACTOS!
Segundo dados do Pordata, 4 em cada 10 funcionários públicos trabalham na educação!
 
Nem vou falar dos professores…vou falar no conjunto.
4 em cada 10 funcionários trabalham na educação!
 
Não podem ser despedidos!
Não são avaliados!
 
O seu ordenado não é baseado no mérito mas no tempo de serviço!
Alguns grupos profissionais chegam ao cúmulo de reivindicar que todos vão chegar ao topo da carreira em tempo útil…TODOS! Independentemente do mérito!
 
Portugal gasta em educação 9 mil milhões por ano!
Em Saúde 10 mil milhões por ano!
 
Em ambos temos de reduzir no mínimo 20% dos gastos!
Não sou eu que digo! É quem nos (ainda) empresta dinheiro!
 
Como vamos reduzir perto de 2 mil milhões na educação até final de 2013?
Se não é possível despedir?
 
Se não é possível reduzir o ordenado de quem é…digamos menos competente?
Como sabes eu detesto ter razão! Já o afirmei muitas e muitas vezes!
 
Sendo tu, meu caro amigo, um gajo com muito bom senso, arranja tu maneira de diminuir 2 mil milhões na educação!
Pois essa é a única certeza que tenho!
 
Até 2013, vamos ter de gastar muito menos, já nos informaram que não vem mais dinheiro, não é expectável que Portugal aumente as suas receitas até lá…
A minha solução é radical? É!
 
E tem início nos professores, os bons ficam e os maus são despedidos! Simples e rápido!
Depois de tratar do grupo mais poderoso, vai tudo a eito! Para as restantes categorias profissionais! Haverá injustiças?
 
Certamente que sim! Mas essas existem em todo o lado…
Como estamos numa área, em que o teu conhecimento é superior ao meu, só tens de arranjar uma solução melhor que a minha!
 
Se a encontrares, serei o primeiro a afirmar de peito cheio, que estava completamente enganado, e existe, afinal uma solução muito melhor!
Acredita que o afirmaria com um enorme sorriso nos lábios, e claro com grande orgulho!
 
Vamos a isso AMIGO?
São “SÓ” menos 2 mil milhões…em 2 anos!
 
Como dizia a tua tia-avó “" Dai-nos coragem para mudar o que pode e deve ser mudado. Para aceitar com serenidade tudo o que não possa ser mudado. E dai-nos sabedoria para distinguir uma coisa da outra."  
Um grande abraço
 
Jony

TIC...TAC...TIC...TAC...TIC...TAC...TIC...TAC...TIC...TAC...TIC...TAC...TIC...TAC...TIC...TAC...TIC...TAC...
TIC...TAC...TIC...TAC...TIC...TAC...TIC...TAC...TIC...TAC...TIC...TAC...TIC...TAC...TIC...TAC...TIC...TAC...
Em minha opinião e com a ajuda Grega faltam 69 Dias para Portugal Sair do Euro.
Seguindo a opinião do meu Genio temos antes disso 1 Ano de KATUMBA faltando portanto 435 Dias.
Dentro de 690 Dias acaba todo o dinheiro TROIKANO!
TIC...TAC...

sábado, 22 de outubro de 2011

Conversas com o meu Génio – A Novidade


Estávamos no dia 2 de Janeiro de 2011, a Tugolândia despertava para mais 1 ano de sacrifícios quando…
JONY…JOOOONNNNYYYYYYY!!!!!
JONY– Porra! Ainda o ano está no seu início e já vens com as tuas histerias?
Génio – Sabes ando impaciente, já contaste a novidade?
JONY– Qual? Que faltam 365 dias para Portugal sair do Euro?
Génio – Não! Estás demente? Em primeiro lugar, que Portugal vai sair do euro é uma realidade que durante este ano será evidente para todos, mas como é normal tu estás enganado…nada a que eu não esteja habituado. Mas enfim, vamos por partes, Portugal só vai abandonar o Euro em Janeiro de 2013 ou na pior das hipóteses em Janeiro de 2014!
JONY – Nem penses nisso, com a preciosa ajuda Grega tu vais ver, é já em Janeiro de 2012! Só falta este ano e já está!
Génio – Jony… Jony… Jony… Quando vais acreditar em mim? Quantas mais provas necessitas? Afinal qual dos dois é o Génio?
JONY– Claro que o Génio és tu! Mas como já te recordei aqui, tu também te enganas! E em 41 anos já cometeste 2 erros muito graves! Eu sei que a média te é favorável, mas desta vez eu não vou seguir o teu conselho, estou firmemente convencido que em Janeiro de 2012 já teremos nova moeda na Tugolândia! Até estou disposto a fazer uma sondagem em Portugal Bipolar, para ver quantos concordam comigo!
Mas se não é essa a novidade … Qual é afinal a GRANDE NOVIDADE?
Génio – É pá…isto já é demais! Ainda ontem te falei nisso e já não te lembras? Estou a falar na decisão de poupar drasticamente nas prendas de natal de 2011!
JONY– Ah, claro! Essa…essa fica para outro post, para não misturar os assuntos! Contudo estou disposto a fazer uma pequena aposta contigo…se eu tiver razão e Portugal sair do Euro em Janeiro de 2012, durante 6 meses não abres a boca! E nos 6 meses seguintes pedes autorização para falares! E só falas se eu aprovar! Estamos combinados?
Génio – Hummmm…Ok! Mas…e se eu tiver razão? E se Portugal só sair do euro em 2013 ou 2014? Posso contar com 6 a 12 meses de obediência da tua parte? Pois porque bem vistas as coisas, eu tenho QUASE sempre razão e raramente tenho duvidas!
Melhor que eu só mesmo Cavaco Silva, esse visionário, que NUNCA, mas NUNCA SE ENGANA E RARAMENTE TEM DÚVIDAS!
JONY – Por mim está apostado. Se eu perder, durante 6 meses seguirei cegamente todas as tuas indicações e nos 6 meses seguintes de todas as tuas sugestões apenas poderei ignorar 2. Visto que já cometeste 2 erros na vida, é justo!
Génio – Bem… justo não é pois os meus 2 erros foram cometidos em 41 anos, e tu aproveitas isso para no segundo semestre teres 2 oportunidades para não me obedecer…mas, meu caro, tendo a perfeita consciência que és mais teimoso que uma mula, nem vale a pena discutir.

ESTA APOSTADO!

quinta-feira, 20 de outubro de 2011

Eu não sou cinzento! Eu sou contra a Energia Nuclear em Portugal!




Eu não sou cinzento! Eu sou contra a Energia Nuclear em Portugal!

Não são dogmas meus, a minha cabecinha, com os poucos neurónios que me restam, já não tem a capacidade que tinha antigamente.

1 Homem adapta o seu comportamento às suas limitações e eu com a capacidade de raciocínio a diminuir com a idade tenho-me tornado um gajo mais prático.

Só tenho 2 boas razões para ser contra o nuclear, se alguma mente iluminada conseguir rebater estas minhas razões mudarei imediatamente de opinião.

1.      Nasci em 1970, tenho 41 anos de existência, durante estes 41 anos tive conhecimento de 2 grandes incidentes nucleares (Chernobil e Fukushima), se considerarmos que a esperança média de vida são 80 Anos, eu assistirei a mais 2 grandes acidentes nucleares.

Se em Portugal não existirem centrais nucleares e a central Espanhola de Almaraz for fechada como previsto, o risco de Portugal ser afectado por acidentes nucleares é praticamente ZERO! (Simples e prático)

2.      As nossas necessidades de energia são 6; 8 ou 10 vezes inferiores às necessidades de Espanha, dentro de 5 anos o mercado ibérico estará liberalizado, uma central nuclear demora 10anos a entrar em funcionamento, a tecnologia é toda importada, Portugal dentro de meses não tem empresas de electricidade, sendo para Portugal igual comprar energia à EDP ou a qualquer empresa espanhola…

Quem deve apostar no Nuclear é Espanha, não Portugal, nós devemos apostar em melhores ligações a Espanha e armazenamento, pois o GIGANTE que temos como vizinho, por necessidades próprias tem de capacidade instalada praticamente o dobro das necessidades normais de Espanha!

Espanha tem actualmente capacidade instalada para produzir em 1 hora energia suficiente, para as nossas necessidades de 24 Horas!

E vamos apostar no nuclear? Não brinquem comigo, isso como expliquei anteriormente é
pensar pequenino, dentro dacaixinha…

2 Subsídios aos funcionários públicos ou 1 subsídio a todos?




A pergunta anda hoje nas bocas do mundo!

Com o real patrocínio do Jornal de Negócios!

Isto não pode se verdade, a notícia é a seguinte “Um salário a toda a gente vale tanto como os dois da função pública e pensionistas”
Antes das críticas, devo informar que em minha opinião se existe ainda algum jornal Português que possa valer a pena gastar o dinheiro para o adquirir, esse jornal é o Jornal de Negócios!
Mas vamos por partes…
Ou o Jornal de negócios está completamente enganado, ou o problema da Tugolândia é 5 vezes pior do que eu supunha e escrevi nos últimos 2 anos!
Quantos Funcionários Públicos existem?
Ninguém sabe, o ultimo recenseamento efectuado aos serviços públicos foi em 2005 e os “nossos amigos” eram 748.000!
Na administração central em 2005 eram 578.000 mas em 2010 já “SÓ” eram 516.000, não se sabendo como se comportou a administração local, eu, sendo 1 gajo simpático vou supor que se manteve, não aumentou, mas também não diminuiu, mantenho as 170.000 Almas…
São actualmente 170.000 A.L. + 516.000 A.C. = 686.000 Almas Trabalhadoras!
Falta empresas de transportes; Institutos; Fundações, em suma todos os Jobs 4 The Boys, sendo eu um gajo generoso, vou considerar os mesmos que a administração local, mais 170.000!
Temos no Máximo 856.000 Almas Trabalhadoras pagas por quem não tem tacho!
Mas se somos pouco mais de 5.000.000 de trabalhadores no total o privado representa 4.144.000!
Falta contabilizar os reformados, e o respectivo valor das pensões.
Para o estado arrecadar a mesma receita com o corte de 2 subsídios a pensionistas e F. Públicos ou 1 subsídio a todos a Tugolândia vive numa economia comunista, não numa economia capitalista.
Em qualquer economia capitalista, reside no sector privado o motor da economia e o maior responsável pelo crescimento.
Como pode o sector privado em Portugal ser o motor da economia, se por cada milhão de Euros pago, gastos em ordenados existe outro milhão de euros que é pago pelo estado?
Onde vai o estado buscar o milhão para pagamentos?
Quando as contas estiverem certas e sendo simpático, novamente, o estado vai retira 50% às empresas e 50% aos trabalhadores, para cumprir os seus compromissos.
Se Portugal comprar a matéria-prima (X) por 1 milhão, e demorar 1 mês a transformar essa matéria-prima para a vender no mercado externo….
Hum….
Isto não está fácil!
1 Milhão M. Prima…
1 Milhão Ordenados, dos quais os trabalhadores do privado só podem receber 500.000, pois a outra metade vai para o estado…
Falta o imposto às empresas, que seria mais 500.000, para o estado poder cumprir os seus compromissos!
Já vai em 2.5 milhões…então e os custos de transformação da matéria-prima?
Ops…vamos considerar ZERO! A conta já vai alta…
Que matéria-prima poderemos comprar no exterior que depois de transformada tenha um valor 2.5 vezes superior, mais custos de transformação?
Huummmm…
Já sei!
Vamos comprar ferro aos magotes, toneladas e toneladas!
Vamos corta-las em forma de barras!
Vamos pintar as ditas de amarelo, e depois vendemos no mercado a dizer que é ouro, e da melhor qualidade! Made in Tugolandia!
Qual o preço do Ouro em barra?
É pá, deve andar nos 40€ a grama!
Caralho! Em 12 meses pagamos toda a divida de Portugal!
Dúvidas?!?

terça-feira, 18 de outubro de 2011

Portugal Bipolar e a TROIKA energética da blogosfera formada por ECOTRETAS; LUZ LIGADA e A CIÊNCIA NÃO É NEUTRA.



 A favor ou contra o Nuclear?
Não podemos ser cinzentos!

Como estamos e para onde vamos?

Qual o caminho?

Temos de escolher ou branco ou preto! Cinzento, não dá!
Existe um momento na vida, em que todos dizemos BASTA! Já CHEGA! NÃO AGUENTO MAIS!

No caso do Ecotretas, foi Al Gore, já não dava para aguentar!
É compreensível…

No meu caso, foi o descalabro de um país que caminhava e caminha alegremente para o precipício.
Foi para dar a minha opinião sobre o rumo de Portugal, que nasceu o Portugal Bipolar.

O nosso país tem muitos problemas (Educação; Saúde; F. Públicos; Justiça; energia etc…etc)

Não sou adepto de ter 200 Tags nos blogs, mas cada um gere o seu o melhor que sabe e pode…

Existem sempre Tags que nos dão mais prazer que outras, no meu caso das 20 Tags Existentes, tenho particular prazer quando falo de economia.
Sendo a energia um bem essencial que afecta tudo e todos teria certamente de ser abordado.

Os meus conhecimentos em 2009 sobre energia eram basicamente os seguintes:
- Se tudo estiver a funcionar normalmente e eu carregar no interruptor tenho luz em casa…

Muito mudou, pois os custos energéticos não param de aumentar e ainda falta resolver o défice tarifário em Portugal.

Nos meus tempos livres, tenho recolhido informação para melhor compreender como funciona e de que maneira poderemos reduzir os custos energéticos beneficiando toda a economia portuguesa.

Foi assim que conheci a TROIKA energética da blogosfera formada por ECOTRETAS; LUZ LIGADA e A CIÊNCIA NÃO É NEUTRA.

Não concordando com muito do que é escrito, principalmente nos outros dois blogs, tenho de reconhecer que tem sido uma óptima maneira de recolher dados que de outro modo estariam muito dispersos e para alguém com os meus conhecimentos seria muito, mas muito mais complicado a recolha de dados.

Os meus parabéns à TROIKA, pelos dados disponibilizados.

Independentemente das opiniões divergentes, julgo que todos temos um objectivo comum.

Encontrar a melhor forma para que Portugal possa ter toda a energia de que necessita a preços muito competitivos.

Julgo que sobre este ponto todos estamos de acordo!

A nossa divergência é a forma de lá chegar…
O meu objectivo é que Portugal tenha toda a energia de que necessita a um preço máximo de 65€/MW (Objectivo assumido em troca de emails com Luz Ligada).

A minha solução passa por Armazenamento de energia, numa 1ª fase, até 2020 dotar Portugal de capacidade de armazenamento até 20.000MW.

2ª Fase até 2030, dotar Portugal de capacidade de armazenamento até 100.000MW (valor que julgo ser suficiente para todo o mercado Ibérico).

Actualmente Portugal tem capacidade para perto de 3.000MW estando cerca de 500 MW em construção.
Toda esta capacidade de armazenamento de energia é feita por Bombagem.

A Bombagem é o método mais caro que conheço e o que tem maior desperdício!
Existem outras 3 formas de armazenamento de energia, que devem ser consideradas para Portugal, conforme tenho feito referência em posts anteriores.

       1.      Cavernas de ar comprimido.
      2.      Baterias
      3.      Flyweels

Sobre estas 3 maneiras de armazenar energia falaremos mais tarde, mas sobre o armazenamento com bombagem tenho algumas considerações a fazer à troika!

Julgo não ser correctos considerarem a evaporação de água nas barragens como desperdício do sistema de Bombagem, essa evaporação existe em todas as barragens, tenham ou não bombagem!

Descarregador de Superfície – Compreendo que a energia é a vossa área, não a minha, o que não entendo é a razão para que o descarregador de superfície entre nas contas do desperdício da bombagem… desculpem qualquer coisinha, mas… a minha área é a C. Civil e projectos de barragens conheço vários, tendo participado em alguns, que eu saiba todas as barragens tem descarregador de Superfície, independentemente de terem ou não bombagem, não devendo ser considerado como desperdício da bombagem.

Descarga de fundo – O problema é exactamente o mesmo, todas as barragens tem descargas de fundo, e não é correcto este ser considerado como desperdício da bombagem, consegue a troika dar exemplos de Barragens que não tenham descarregador de fundo ou de superfície?

Eu não conheço…

Despeço-me com um pedido final…

Se for possível a algum elemento da TROIKA esclarecer Portugal Bipolar das Ligações existentes actualmente entre Portugal e Espanha eu agradecia.

Quantas ligações existem?

 Onde se localizam?
 Que capacidade tem em MW? E se essa capacidade funciona nos 2 sentidos.

Este Post foi enviado aos membros da Troika que aqui foi falada, responde quem quer, quem pode ou quem tem tempo… 
Iniciada NOVA TAG – ENERGIA!