sábado, 1 de outubro de 2011

Quem manda no AICEP



Existem tiques que são mesmo nossos, não adianta, são do tipo de coisas que seguramente vem incluído no nosso DNA.

Eu mando mais que tu! Mandando mais, tenho mais PODER!
Já se sabia que por regra em Portugal o mérito anda pelas ruas da amargura, e coisa negligenciável, não sendo tido como uma qualidade importante.

Não importa qual a função a desempenhar, normalmente na tugolândia o factor C (Cunha) fala mais alto.
E com esse tipo de procedimentos lá se escolhe o “homem certo para o trabalho” normalmente isto resulta em nulidades.

Pois o nosso AICEP, quando eu pensava que já tinha visto tudo, o nosso AICEP ainda me consegue surpreender!
E meus caros, isso não é nada fácil.

Para os mais distraídos estou a falar da Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal.
Mas o que se anda a fazer exactamente no AICEP?

-bem, de momento nada, estamos a estudar como Juntar o AICEP o IAPMEI e o Turismo de Portugal numa só agencia.

O normal em qualquer organização ou agência é definir quais as funções, tanto mais que Juntando 3 Organismos em apenas 1.

Julgava eu que o prioritário seria, que mercados vamos atacar?

Quais as nossas melhores armas? Bem promovidas aumentam as exportações?

Em que sectores de actividade?

Que capacidades tem o pais para substituir produtos importados por produção nacional?

Em que áreas?

Eu, que ainda tenho ilusões, julgava que era este o caminho que estava a ser percorrido…

Nada disso, o mais importante é saber quem vai mandar no AICEP, depois de termos isso resolvido, o principal problema é decidir se esta organização fica dependente do 1ª Ministro, do Ministro dos Negócios Estrangeiros ou do Ministro da Economia.

Funções? Áreas prioritárias? Isso, meus amigos, isso não é importante.

Passaram mais de 100 dias e Tudo o que é promoção de Portugal está parado?

O importante é saber quem manda no AICEP…

Sem comentários:

Enviar um comentário

;)