sexta-feira, 31 de agosto de 2012

A ditadura dos partidos – Redução de Câmaras Municipais – “Região Autónoma” da madeira.

Já chegamos à madeira!

Depois do continente a região da madeira irá ser tratada da mesma forma que as outras 18 analisadas.
Com 801 kms² a madeira apresenta atualmente 11 municípios, 5 com menos de 10.000 habitantes.

O destaque vai para Porto Moniz, que com 2711 habitantes e considerando a média do continente deverá ter.
1 Presidente de Câmara Municipal

1 Vice-presidente de Câmara Municipal
2 Vereadores

1 Presidente da Mesa da Assembleia Municipal
2 Secretários da Mesa da Assembleia Municipal

05 Membros da Mesa da Assembleia Municipal
05 Presidentes de Junta de Freguesia

05 Secretários de Junta de Freguesia
05 Tesoureiros de Junta de Freguesia

05 Presidentes da Mesa da Assembleia Municipal
10 Secretários da Mesa da Assembleia Municipal

20 Membros da Mesa da Assembleia Municipal

Mais de 60 Jobs, tudo isto fora os trabalhadores da Câmara e Juntas de Freguesia, são 62 lugares partidários para um município com 2711 habitantes, é obra!
Tudo acompanhado de presidentes e demais STAFF que os serve.

A escolha deve ser feita pelas populações, só elas saberão a que municípios desejam pertencer, mas acabam presidentes de Câmara Municipal para populações com menos de 30.000 habitantes, Compreendo e aceito que as escolhas das populações possam ser diferentes das minhas, mas essas terão de ser feitas.

Como não guardo sentimentalismos em relação a qualquer um dos 308 municípios Portugueses posso apenas afirmar que as minhas escolhas agrupam municípios próximos e em cada região tentei e tentarei que todos os municípios sirvam populações semelhantes (tanto quanto possível) e sejam o mais homogéneos possível dadas as condições iniciais.
Destaco a Manutenção da Câmara Municipal de Porto Santo que embora tenha pouco mais de 5.000 habitantes, deve ter os serviços concentrados na ilha.

Dito isto, a madeira é constituída por 11 municípios.

 

Existem 8 que não cumprem os critérios.

 

A solução que apresento é a seguinte.

 

Como resultado final passamos de 11 Câmaras Municipais para 5.

Eu sei que são uma “Região Autónoma” e sei igualmente que todos os impostos cobrados na Região Autónoma da madeira ficam na madeira.
Sei igualmente que Portugal Continental retira verbas anuais do O.E. para entregar À Região Autónoma da madeira.

Autonomia total mas sem o dinheiro aqui do retângulo…
Contando com as verbas do O.E. do Retângulo as mudanças são para ser feitas em todas as regiões de Portugal, sejam elas “autónomas” ou não…

Sem comentários:

Enviar um comentário

;)