domingo, 4 de janeiro de 2015

Ano de 2015, ano de decisões!




Até que sou dado a isto e tenho andado a cismar no novo ano de 2015.     

Ele é eleições a torto e a direito, ele é novos Partidos Políticos acenando com votos e promessas vãs; este novo ano trará novidades e decisões importantes.

Para qualquer um dado a números, começa logo pela maneira honrosa com que pagaremos toda a nossa dívida.

Cismando para cá e para lá, acaba por ser engraçado.

A discussão que aconteceu aqui no Blog entre 2010 / 2012 “Vamos sair do €uro? Como pagamos a Dívida?” acontecerá em Portugal no belo ano de 2015, intervalando com promessas ocas da esquerda e alarmes catastrofistas da direita.

Independentemente da opinião, essa, cada um tem direito à sua, o ano de 2015 será um ano de decisões, individuais e colectivas.

Se a nível individual é dado adquirido que o caminho é para seguir em frente de acordo com o planeado, a nível colectivo, sinto uma curiosidade agridoce.

Que fará o meu país? Que fará este nobre povo no 5º Ano em que anda agachado e subserviente de cu para o ar?

Quando um ser humano passa a vida agachado tem o direito de dizer que lhe dói o rabo?

Cada povo tem os governantes que merece, cismando eu, por mania e defeito que Portugal merecia mais, muito mais! E melhor…

Bom ano e boas decisões para todos.

Se possível pensem bem antes de decidir, porque por enquanto, pensar não custa nada.

Sem comentários:

Enviar um comentário

;)