terça-feira, 6 de novembro de 2012

Reestruturação do Estado – Algarve.

Antes de cortar mais, cegamente, na saúde; Educação e S. Social é tempo de olhar atentamente para a quantidade de representantes que mantemos espalhados por todo o território nacional.

Antes de falar das soluções (parcialmente apresentadas na TAG “Ditadura dos Partidos”) importa observar quanto eleitos temos espalhados por Portugal, para depois discutir de quantos realmente necessitamos.
A viagem tem início no Algarve!

Quantos representantes elegem os Portugueses para administrar o Algarve?
E reparem que não estou a falar dos funcionários das Câmaras Municipais ou das Juntas de Freguesia, falo apenas dos eleitos…

1.574 “Representantes do Povo” para 450.000 habitantes.
Só Presidentes temos 200, são às pazadas!

São 16 Presidentes de Câmara Municipal;
São 16 Presidentes de Assembleia Municipal;

São 84 Presidentes de Junta de Freguesia;
São 84 Presidentes de Assembleia de Junta de Freguesia.

Depois temos 86 Vereadores, todos eles imprescindíveis para um território como o Algarve, a que Juntamos mais 40 Vogais das Juntas de Freguesia.
A juntar a esta mistura explosiva temos 282 Secretários e 100 Tesoureiros.

E por fim, para compor o ramalhete é só juntar 866 Deputados, 400 Deputados Municipais e os restantes de J. Freguesia.






 
Quantos representantes do povo existem?
-No Algarve são "SÓ" 1.574...

4 comentários:

  1. Olá PB,
    À medida que se aproxima o fim do ano estou a ficar mais taciturno…
    E que tal se para além de nos atirarmos aos «representantes do povo», nos atirássemos também aos que com eles têm beneficiado deste regime? Estou a falar dos brilhantes empresários, ricos, e demais biltres, que nos calharam em sorte. E se o Vitor nacionalizasse todos os bens de quem tem mais de 1.500.000€ entre carros, casas, depósitos bancários, acções, posições em empresas, quadros, ouro, jóias, etc, etc, etc… Até ao milhão e meio não se tocava, e daí para cima era tudo «nosso». Não pagávamos a dívida, mas a coisa aliviava!...
    Esclareço que sou a favor da economia de mercado, mas o que se passa em Portugal é apenas a roubalheira e a corrupção generalizada e descarada.
    Atente-se no número de patentes detidas pelas empresas do PSI 20, e a partir daqui rapidamente se chega ao fundamento da minha sugestão anterior. Relembre-se como é que (pe) o Bill gates construiu a fortuna…
    A par disto estamos de acordo com a diminuição dos tachos e panelas do Algarve ao Minho, e - não esquecer ! - meter a Justiça a trabalhar, porque senão nunca sairemos da cepa torta.
    Bons escritos,
    José

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Boas José,

      O meu nome é João (jony) para os amigos.
      Infelizmente PB é o país onde vivemos.

      1 Abraço

      Eliminar
  2. Será que sou o único a pensar que se é para acabar com Juntas de Freguesias, as primeiras da lista seriam aqulas onde a câmara municipal está implantada?

    Abraço,

    MDF

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Boas MDF,
      Realmente essa é básica…
      Julgo que temos mais de 120 mil “Representantes do Povo”.
      Tenho de conseguir essa informação até ao fim do ano…

      Eliminar

;)