sábado, 9 de outubro de 2010

Portugal 2030 – Educação II


Caríssimos, eu sei que é chato mas para falar de Portugal do futuro temos de primeiro limpar o presente, sendo a educação um pilar base do nosso desenvolvimento futuro, este CANCRO tem de ser resolvido imediatamente!
Somos o País da OCDE que mais gasta em Educação (Em % do PIB)!
Então e os resultados?!?!?!
Os Resultados são péssimos, de quem é a culpa, não é relevante!
Pois por cada segundo gasto a encontrar um culpado é menos 1 segundo que se tem para pensar em como sairmos deste buraco.
Voltando á vaca fria!
Preparatória ou 5º e 6º ano
Exames nacionais obrigatórios a todas as Disciplinas
Os Professores acompanham os alunos no 5º e 6º ano, os exames do 6º Ano são importantíssimos!
Os exames Nacionais vão colocar em evidência as escolas boas e as escolas más!
Os Bons e os Maus professores!
Claro que não podemos comparar, 1 escola do Restelo, com uma escola da Quinta da Moura!
Mas se ambas forem avaliadas, teremos para o futuro uma excelente base de trabalho para premiar o mérito!
A Classificação das escolas passa a ser atribuída pela média de resultados demonstrados pelos alunos.
A Classificação
1 – Muito Bom
2 – Bom
3 – Suficiente
4 – Fraco

5 - Muito Fraco
Dentro de cada nível vamos encontrar, escolas que se podem comparar de Norte a Sul do País.
Vamos dar como exemplo uma escola que tem como classificação Geral (Média dos Alunos) de Fraco.
Imaginemos que essa escola teve 5 turmas em exame de Matemática, e que em 2 dessas turmas o resultado a Matemática foi Bom!
Sendo depois verificado que essas duas turmas tinham o mesmo professor de Matemática.
Ora aqui fica um bom exemplo de como encontrar 1 Professor Titular!
Vamos separar o trigo do Joio, dos 450 Milhões pagos este ano (a mais sobre o que se pagou no ano passado) quanto foi para pagar o mérito?
Nada!, pois, qual é o incentivo á excelência?
Nenhum!
Se temos milhares de professores desempregados,
Se gastamos em % do PIB mais que todos os outros,
Se todos os Professores, são Bons ou Muito bons (Segundo a classificação atribuída)
Temos que ter um ensino de excelência!
E temos? Claro que não!
E onde falha?
Falha nos Professores, falha porque não existe a cultura do mérito, dos resultados obtidos, e é pena!
Se numa determinada escola, existem 4 professores a dar a mesma disciplina, o que actualmente conta é quantos anos tem cada professor de carreira!
E se já se "encaixou" ou não numa determinada escola, sendo ou não titular! Isso é que conta!
É pá mas o professor não titular tinha 2 turmas, e nelas os alunos tiveram classificações muito superiores aos outros!
È pá, isso não é relevante, o que conta é que este ano necessitamos de menos 1 professor, e sai o mais novo, o não titular!
E´pá mas esse foi o "Gajo" em que os alunos obtiveram melhores resultados!
É PÀ! Isso na Tugolândia nunca foi importante!
É PÀ se calhar é por essas, e por outras que estamos onde estamos…
Fiquem bem e falaremos brevemente sobre a Secundária, que prepara ou não, os meninos para a Universidade…

Sem comentários:

Enviar um comentário

;)