terça-feira, 9 de março de 2010

PEC 3ª Parte

Inicio com o cenário menos provável, venda de ouro temos das maiores reservas mundiais…

TAP
REN
EDP
GALP
CGD
PT (não incluída só tem (Golden SHERE)
REFER (não incluída)
CP (não incluída)
Carris (não incluída)
ANA

Vamosá TAP, que segundo as informações mais recentes, também será privatizada (Total ou Parcialmente)
Já ri tudo e finalmente acalmei!
Do 10 Anéis que falei anteriormente como possíveis vendas, vamos lá fazer um resumo:
A dívida da TAP é de cerca de 1 380 milhões de euros, se este negócio me fosse proposto, para eu aceitar sem perder nem ganhar dinheiro o estado além da TAP tinha de me dar 300 Milhões, é que os capitais próprios não cobrem a dívida!
Portanto isto deve ser negociado com os Angolanos para juntar as duas companhias aéreas, mas dinheiro que é bom não estou a ver!
A Não ser que se inclua no negócio a gestão dos Aeroportos Nacionais e a TAP seja incluída no pacote da ANA!
Fazendo Futurologia os Angolanos ficam com 35% da ANA+TAP, arranjam mais um investidor para ficar com mais 35% e o estado fica com o resto, deixando a gestão mas, se os privados nºão se entenderem o estado só necessita de 1 deles para obter a maioria e consequentemente o controle das empresas…
Seria a melhor opção, mas teria de ser muito bem negociado, e pelo que sabemos dos negócios do estado nos últimos anos, não quero nem pensar, o estado negociar bem, não engolir a divida existente na TAP, ficar com cerca de 30% da TAP e da ANA e ainda receber dinheiro (Só pode ser para rir…)
CTT
Os CTT não foram incluídos na lista porque simplesmente ninguém quer aquilo (é pior que a TAP) J
Podemos dividir os CTT em 2 (as ENCOMENDAS e o serviço de CORRESPONDENCIA)
As encomendas seria fácil de vender pois qualquer empresa privada a operar no mercado ou com intenções de operar em Portugal veria o negócio com bons olhos, mas… e a correspondência que dá um prejuízo do C..(carago J)
Fazendo novamente futurologia o estado vai vender Tudo mas paga anualmente os prejuízos que os privados tenham, para manter o serviço de correspondência universal, pois as terrinhas ninguém as quer…
Portanto o dinheiro que se receber agora, com os pagamentos anuais, para manter o serviço, julgo que a partir de 2018 o estado já pagou mais do que recebeu em 2010…
EDP; GALP e CGD (Só seguradoras)
Restam os 3 aneis…Sobre as seguradoras da CGD nada tenho a dizer, os seguros são um mercado liberalizado e concorrencial em Portugal, não fazendo sentido o estado deter seguradoras.
A GAlp e a EDP são 2 bons anéis que o estado ainda detêm… mas são também um marco de soberania nacional, são também empresas que afectam todos nós, sinto que ao vender os preços subirão ainda mais sem o estado ter uma palavra a dizer dentro das empresas, falam de regulação, e que os Reguladores controlam isso, mas para mim, quando oiço essas afirmações lembro-me sempre da famosa frase…


ONDE É QUE DEIXARAM A NAVE ESPACIAL!!!!
Como disse no post Corrida ás reformas…
VENHAM LÁ COM O PEC COMPLETO, A DIZER QUE ESTA TUDO CONTROLADO PARA EU ME RIR MAIS UM POUCO, POIS JÁ TENTEI CHORAR E NÃO ME ADIANTOU DE NADA!

Sem comentários:

Enviar um comentário

;)