domingo, 28 de março de 2010

Ligação Ferroviária ao Porto de Aveiro


  • Depois de andarmos 30 anos a pensar, finalmente em 2007 lançamos mãos à obra e iniciamos a ligação ferroviária ao Porto de Aveiro!
Obra concluída em Março de 2010!
Parabéns a uma senhora chamada Ana Paula Vitorino, pois como antiga secretaria de estado das obras públicas avançou com a obra.
Não seria nada de extraordinário nutro sitio qualquer, mas neste pais à beira mar plantado, onde o dinheiro é mandado à rua sem nenhum critério, temos de louvar alguém que sabe fazer contas de somar tipo 2+2!
Vamos então ás contas.
Quando as mercadorias chegavam ao Porto de Aveiro, de barco chegavam em contentores ou a granel, e posteriormente eram transportadas em camiões…
Ora muito bem, vamos considerar que um barco (meio de transporte mais barato e também o mais lento) transporta 5.000 Contentores e chegava ao Porto de Aveiro.
Depois de descarregado e tendo em conta que os camiões levam 1 contentor teríamos uma movimentação de 5.000 Camiões que levariam as mercadorias até ao seu destino final.
Dando de borla que um camião pode ter um reboque e transportar 2 contentores de uma vez, teríamos apenas 2500 Camiões por cada Barco que atracava no Porto de Aveiro.
Contando que os camiões não andam a Água, temos no custo final do produto de acrescentar o gasóleo, ou seja, pagamos a mercadoria, importamos petróleo, transformamos em gasóleo e ao entregar o produto final, ao cliente juntamos o preço do gasóleo gasto, mais os restantes custos com o transporte!
Como também não temos petróleo ao recebermos temos de pagar petróleo + mercadorias, dinheiro que sai das fronteiras para não mais voltar!
Quando transportamos as mercadorias de comboio, este anda a electricidade…
Nós isso ainda produzimos, e grande parte de energias renováveis.
Quantos comboios são necessários para transportar 5000 Contentores?
10 a 20 não mais!
Estamos portanto a comparar 10 a 20 comboios com 2500 a 5000 Camiões!
Com a agravante de ao pagarmos a energia gasta pelo comboio o dinheiro não sai de Portugal…
Não contando com o custo de manutenção das estradas nem com a poluição causada em Aveiro por um movimento ininterrupto de camiões, demoramos 30 anos a chegar à conclusão que o comboio seria uma boa alternativa para o transporte de mercadorias!
Parabéns Ana Paula Vitorino, por conseguires ver o lógico.
Talvez alguém se lembre de tentar ligar todos os Portos Portugueses a Centros Logísticos e a linha Ferroviária… TALVEZ!
Neste momento andamos mais preocupados com o TGV, quando França e Espanha ainda não tem Ligação, é gastar milhões para podermos ir a Madrid em 3.00Horas ou os Espanhóis chegarem cá sem vir de avião…
Mas pelo sim pelo não vamos construir também um novo Aeroporto, para eles terem possibilidade de Escolha…
As mercadorias que se Lixem, que vão a pé.
É o que temos!

1 comentário:

Portugal Bipolar disse...

Na altura deste post (Março 2010) Julgava que esta ligação era electrificada.
Julgava mal!

http://oportugalbipolar.blogspot.com/2010/11/recuperacao-ix-o-eng-das-renovaveis-e.html