segunda-feira, 14 de março de 2011

Perfect Storm XV_A Contestação entra na Europa

Não poderia passar em claro a manifestação deste fim-de-semana.

Eu que estou sempre contra, desta vez nada de negativo tenho a apontar, os meus sinceros parabéns!

A Manifestação não foi organizada por partidos políticos

A Manifestação não foi 6ª feira ou 2ª feira para prolongar o fim-de-semana.

A Manifestação não prejudicou Portugal, pois como foi sábado todos os que queriam trabalhar puderam faze-lo!

A Manifestação não foi feita por quem tem emprego garantido e ainda se queixa!

A Manifestação não foi feita por pessoas que trabalham em empresas públicas que apesar de darem todos os anos prejuízo e de ninguém poder ser despedido tem regalias que não existem no privado!

A Manifestação foi feita por quem está todo fodido e quando olha para a esquerda ou direita procurando soluções o que encontra são Lobbys, corrupção generalizada, desperdício de recursos, desperdício de dinheiro ou incompetência.

A contestação depois de invadir o norte de África entra na Europa por este país à beira mar plantado!

Estamos a Assistir ao Fim do Principio!

Como alguem disse:

Desta vez voto nas PUTAS!
Da ultima votei nos filhos e não resultou!

TIC…TAC… TIC…TAC… TIC…TAC… TIC…TAC… TIC…TAC… TIC…TAC… TIC…TAC… TIC…TAC… TIC…TAC… TIC…TAC… TIC…TAC… TIC…TAC…


Faltam 17 Dias!

2 comentários:

Anónimo disse...

Caro João Filipe, não devias estar contra às chamadas "regalias", já que sou da opinião, que se no privado, os trabalhadores fossem melhor remunerados isso levaria a uma maior motivação dos mesmos, sendo que se os empresários em Portugal não estivessem apenas preocupados em maximizar os lucros à custa da mão de obra barata, sem pensar em novos investimentos, nem compreendendo que se os seus trabalhadores ganhacem um pouco melhor(porque 475€ é vergonhoso),isso levaria a uma maior dinamização da nossa economia. Tenho pena que os funcinários publicos não sirvam de referencia para o resto dos trabalhadores deste pais, estariamos todos muito melhores.

Portugal Bipolar disse...

Caro Anónimo...
1º Qualquer emprego no privado é melhor remunerado que no publico (para quem é competente)
2ºOs funcionários públicos servirem de referencia para o nosso país???
Quando não são avaliados?? são mais de 700.000 e chegavam 450.000 a 500.000?
Não existe meritocracia?
Por cada 10 FP (que conheço) trabalham 2 ou 3!!! e os outros???
EU TAMBEM TENHO PENA QUE QUEM TRABALHA NO PRIVADO NÃO SIRVA DE REFERENCIA AOS FP...
Trabalhariam mais e melhor.
Será possível indicar uma instituição publica que funcione ao nível da excelência??? Basta uma, pois no privado exemplos não faltam!